Randy Berry, enviado especial para direitos humanos da população LGBTI, viaja à América Latina e ao Caribe

O enviado especial, Randy Berry, viajará ao Chile, Argentina, Uruguai, Brasil e à República Dominicana para discutir direitos humanos da população LGBTI e de outros grupos historicamente marginalizados. Durante a sua visita, Berry participará de atividades do Mês do Orgulho LGBTI e se encontrará com representantes dos governos, representantes religiosos, empresários, acadêmicos e organizações sociais civis.

No Brasil, ele estará de 6 a 9 de junho e visitará São Paulo, Brasília e Rio de Janeiro para uma série de reuniões.

  • Em São Paulo, Berry visitará um centro de referência para conhecer programas LGBTI, participará da Parada do Orgulho Gay e se reunirá com líderes LGBTI do setor privado e representantes do governo local e de entidades de defesa dos direitos humanos.

Informações para a imprensa: (11) 3250-5237/5276;saopauloimprensa@state.gov

  • Em Brasília, Berry se reunirá com representantes das Nações Unidas (UNAIDS) e representantes da Secretaria de Direitos Humanos e do Ministério das Relações Exteriores.

Informações para a imprensa: (61) 3312-7367/7364;imprensabrasilia@state.gov

  • No Rio de Janeiro, Berry hasteará a bandeira arco-íris, um dos símbolos mais conhecidos do movimento LGBTI, ao lado da bandeira norte-americana no Consulado Geral dos Estados Unidos.

Informações para a imprensa: (21) 3823-2169/2122;imprensario@state.gov

Para mais informações sobre os trabalhos de direitos humanos do governo norte-americano, visite o site: www.humanrights.gov.

Biografia:

Enviado Especial de Direitos Humanos da população LGBTI

Randy W. Berry é o primeiro enviado especial do Departamento de Estado para direitos humanos da população LGBTI. Ele começou a sua nova função em 13 de abril de 2015. Antes de trabalhar como enviado especial, Berry serviu como Cônsul Geral dos Estados Unidos em Amsterdã. Além disso, foi Cônsul Geral em Auckland, Nova Zelândia, de 2009 a 2012, tendo também servido como encarregado de negócios da Embaixada em Katmandu, Nepal, de 2007 a 2009.

A carreira do senhor Berry no Departamento de Estado também o enviou a Bangladesh, Egito, Uganda e África do Sul, bem como a Washington DC. Ele recebeu o prêmio do Departamento de Estado de Honra Superior e o prêmio de Honra ao Mérito nove vezes. Berry fala espanhol e árabe.

Randy Berry cresceu em um sítio na parte rural do Condado de Custer, Colorado. Formou-se pela Bethany College de Lindsborg, Kansas, e foi bolsista do Rotary na Universidade de Adelaide, Sul da Austrália. Antes de entrar para o serviço exterior em 1993, Berry trabalhou como gerente de treinamento internacional para a America West Airlines em Phoenix, Arizona.