Prevenção à Fraude / Passaporte Roubado ou Perdido

Bem-vindo à Unidade Antifraude. A nossa principal missão é a salvaguarda das fronteiras americanas através da detecção de fraudes em solicitações de passaportes americanos, relatórios consulares de nascimento de cidadãos americanos, vistos de imigrantes e de não-imigrantes. Alcançamos este difícil objetivo através do treinamento da equipe consular sobre detecção de fraude, da manutenção de estreita cooperação com autoridades policiais brasileira e americanas e da preparação de profissionais altamente capacitados para realizarem entrevistas e inquéritos.

As consequências da fraude são extremamente graves. Se você cometer fraude, não só vai perder o benefício pleiteado, mas também poderá pagar altas quantias em multa e até ir para a cadeia. A Unidade Antifraude, trabalhando em parceria com o setor a Serviço a Cidadãos Americanos, Setor de Vistos, o Escritório de Segurança Diplomática do Departamento de Estado e o Departamento de Segurança Interna, combate agressivamente a fraude, punindo os infratores de acordo com a lei.

As consequências da prática de fraude são extremamente graves. Abaixo estão as advertências contidas em alguns dos formulários/documentos comumente vistos na Seção Consular.

No formulário DS-11 (Application for U.S Passport or Registration) e noDS-82 (Aplicacão para Passaporte Americano via Correio ), você encontrará o seguinte aviso:

Falsas declarações, conscientes e intencionais, em formulários de solicitação de emissão de passaportes ou declarações juramentadas ou outros documentos apresentados são passíveis de punição por meio de multas e/ou prisão, de acordo com o estabelecido no Código dos EUA (18 U.S.C. 1001 and/or 18 U.S.C. 1542). O uso de um passaporte em violação às restrições contidas no mesmo ou aos regulamentos do passaporte são passíveis de punição por meio de multas e/ou prisão, de acordo com o estabelecido no Código dos EUA (18 U.S.C. 1544). Todas as declarações e documentos submetidos são sujeitos à verificação

Form I-130 (Peticão para Estrangeiro) (PDF 51.6KB) contém o seguinte aviso:

O Departamento de Segurança Interna investiga os relacionamentos alegados e verifica a validade dos documentos. O Departamento de Segurança Interna busca o indiciamento criminal quando relações familiares são falsificadas para a obtenção de vistos. Multas: Você pode, por lei, ser preso por até 5 anos e/ou multado em US$ 250.000,00 por contratar matrimônio com o propósito de fugir a quaisquer provisões legais de imigração e você pode ser multado em US$ 10.000,00 e/ou preso por até 5 anos.

Exemplo: Quando contrair matrimônio contratualmente a fim de evitar qualquer disposição das leis de imigração, você poderá ser multado em até US$ 10.000,00 ou preso por até 5 anos por consciente e intencionalmente falsificar ou omitir um fato material ou usar qualquer documento falso ao submeter esta petição.

Form DS-160 (Nonimmigrant Visa Application) contém as informacões para solicitação de visto.

Atesto que li e entendi todas as perguntas enunciadas na presente petição e que as respostas fornecidas neste formulário são verdadeiras e corretas salvo melhor crença e juízo. Compreendo que qualquer declaração falsa ou enganosa pode resultar na recusa permanente de um visto ou entrada nos Estados Unidos. Compreendo que a posse de um visto não habilita automaticamente o portador a entrar nos Estados Unidos em um porto de entrada se a pessoa for considerada inadmissível.

A Unidade de Prevenção à Fraude, devido à natureza do trabalho antifraude, não é aberta ao público. Se você tem dúvidas em relação ao seu caso, por favor visite a página da unidade que está tratando de seu caso (Serviços aos Cidadãos Americanos, ou  Vistos), e siga as instruções de contato com aquela unidade.

Se você deseja denunciar alguma situação de fraude, entre em contato com a Unidade de Prevenção a Fraude por e-mail ou fax.

Brasília: E-mail: FPMbrasilia@state.gov
Recife: E-mail: recifeFPU@state.gov, fax: (81) 3231-1906
Rio: E-mail: FPMrio@state.gov
São Paulo: E-mail: SPLrelato@state.gov
Porto Alegre: E-mail: PortoAlegreFPU@state.gov

 

Se o seu passaporte com visto válido foi roubado ou perdido, por favor contate imediatamente a Embaixada ou o Consulado Americano onde o visto foi emitido.

Preencha um Boletim de Ocorrência na delegacia mais próxima do local do extravio ou roubo, com as seguintes informações:

  • Último e primeiro nome como escrito no passaporte (utilize LETRAS MAIÚSCULAS)
  • Data de nascimento e número do passaporte
  • Descreva onde/como o passaporte foi perdido ou roubado
  • Data do extravio/roubo
  • Telefone e e-mail para contato

Em seguida, você precisará preencher e imprimir o Formulário de Registro de Extravio / Roubo de Passaporte disponível abaixo e enviar por e-mail junto com a cópia do B.O. para a Embaixada/Consulado onde o visto foi emitido:

  • Para vistos emitidos em Brasília, acesse o formulário e envie o e-mail para brasiliavisa@state.gov.
  • Para vistos emitidos em Recife, acesse o formulário e envie o e-mail para recifevisa@state.gov.
  • Para vistos emitidos no Rio de Janeiro, acesse o formulário e e siga as instruções que se encontram no documento.
  • Para vistos emitidos em São Paulo, acesse o formulário e siga as instruções que se encontram no documento.
  • Para vistos emitidos em Porto Alegre, acesse o formulário e siga as instruções que se encontram no documento.

A Seção Consular não pode reemitir o visto invalidado. Se você informou a perda/roubo do passaporte com visto americano, este será cancelado. Se você deseja um novo visto deverá marcar nova entrevista para solicitar visto de entrada para os Estados Unidos.

 

Deportação / Remoção / Embarque Negado

Se você foi deportado ou extraditado dos Estados Unidos e precisa provar seu retorno ao Brasil para legalizar sua situação, ou se você foi recusado de embarcar em seu voo aos Estados Unidos, você pode:

Em Brasília:

Dirigir-se à Unidade de Vistos de Não-Imigrantes às segundas-feiras às 14 horas. Você deverá apresentar os seguintes documentos:

* O passaporte utilizado para viajar na ida e/ou volta aos Estados Unidos (se for o caso)

* O Formulário G-146, I-210, ou I-392 (Notificação de Partida)

* Os cartões de embarque usados em sua viagem de ida e/ou volta aos Estados Unidos

* Quaisquer outros documentos relativos à sua deportação/remoção.

Em Porto Alegre:

Enviar um e-mail com antecedência para PortoAlegreNIV@state.gov a fim de agendar sua ida ao Consulado. Favor anexar cópia da documentação ao e-mail. Você deverá apresentar os seguintes documentos:

* O passaporte utilizado para viajar na ida e/ou volta aos Estados Unidos (se for o caso)

* O Formulário G-146, I-210, ou I-392 (Notificação de Partida)

* Os cartões de embarque usados em sua viagem de ida e/ou volta aos Estados Unidos

* Quaisquer outros documentos relativos à sua deportação/remoção.

Em Recife:

Enviar um e-mail com antecedência para RecifeVisa@state.gov a fim de agendar sua ida ao Consulado. Favor anexar cópia da documentação ao e-mail. Você deverá apresentar os seguintes documentos:

* O passaporte utilizado para viajar na ida e/ou volta aos Estados Unidos (se for o caso)

* O Formulário G-146, I-210, ou I-392 (Notificação de Partida)

* Os cartões de embarque usados em sua viagem de ida e/ou volta aos Estados Unidos

* Quaisquer outros documentos relativos à sua deportação/remoção.

No Rio de Janeiro:

Enviar um e-mail com antecedência para visario@state.gov a fim de agendar sua ida ao Consulado. Favor anexar cópia da documentação ao e-mail. Você deverá apresentar os seguintes documentos:

* O passaporte utilizado para viajar na ida e/ou volta aos Estados Unidos (se for o caso)

* O Formulário G-146, I-210, ou I-392 (Notificação de Partida)

* Os cartões de embarque usados em sua viagem de ida e/ou volta aos Estados Unidos

* Quaisquer outros documentos relativos à sua deportação/remoção.

Em São Paulo:

Enviar um e-mail com antecedência para saopaulovisa@state.gov. Favor anexar cópia da documentação ao e-mail. Você deverá apresentar os segundos documentos:

* O passaporte utilizado para viajar na ida e/ou volta aos Estados Unidos (se for o caso)

* O Formulário G-146, I-210, ou I-392 (Notificação de Partida)

* Os cartões de embarque usados em sua viagem de ida e/ou volta aos Estados Unidos

* Quaisquer outros documentos relativos à sua deportação/remoção.